13/10/2013

Sabores do Fim do Mundo - Patagônia Argentina




A Patagônia Argentina também é conhecida pela produção de excelentes vinhos devido ao clima ideal, solo excelente e água pura do degelo dos Andes.  A maioria das " Bodegas do Fim do Mundo" ficam  nas cidades de San Patricio del Chañar e Añelo. A cidade de Neuquén é a base para percorrer as Rotas do Vinho nas zonas rurais, com melhor estrutura hoteleira. Para conhecer mais sobre os Vinhos produzidos visite o site :




A Região de Neuquén é também conhecida como Rota ou Vale dos Dinossauros pelos sítios paleontológico, e na Villa del Chocón estão os restos do maior Dinossauro do mundo, além de outros fósseis agrupados no Museu Ernesto Bachmann, nome em homenagem ao investigador que realizou importantes descobrimentos na região.  Todo o sítio arqueológico foi descoberto durante a construção da Hidroelétrica, construída sobre o rio Limay.





Além do Carangueijo Centolla das àguas Geladas e Profundas de Ushuaia, que já comentamos neste post aqui,  uma outra comida típica é o Cordeiro da Patagônia assado inteiro e aberto em espetos fincados no chão, sobre brasas. O nome do preparo é "assador". Antes de assar a carne é temperada com sal grosso e pincelada com manteiga, suco de limão e vinho. Experimentamos o Cordeiro na Cidade de El Calafate em dois restaurantes muito bons: Casimiro Biguá e La Tablita, na Avenida del Libertador.