14/12/2016

Ciambella






Ciambella é um bolo muito apreciado na Itália e com diversas variações na receita e na apresentação, conforme a região. Também podem mudar de nome conforme o tamanho e usam  Ciambella para bolinhos menores e Ciambellone para os bolos maiores. Ele é consumido no café da manhã dos italianos que é a base de pães doces, acompanhados de marmelada ou nutella ou em qualquer ocasião. O formato circular parece um donut com um furo no meio e a massa de algumas receitas lembram o sonho de padaria brasileiro.


O nome pode diferenciar conforme a receita  que é passada de geração em geração, assumindo uma característica pessoal em cada região. Por exemplo, algumas receitas levam vinho e podem se chamar Ciambella ao Vinho, ao Aniz, ao Iogurte, Mascarpone, etc. Em Roma, uma amiga me deu um pedaço de ciambellone que tinha feito para o aniversário da filha e me passou a receita abaixo que leva iogurte na massa. A apresentação também pode mudar como as ciambellas de bolonha que são cobertas de chocolate e avelãs picadas, ou podem ter recheio de creme, etc.

De Norte ao Sul da Itália você encontra a Ciambella ou Ciambellone que é apreciado de diversas maneiras.




Receita: 

3 ovos
1 iogurte natural e depois usar o copinho como medida para os outros ingredientes.
2 1/2 copinhos de açúcar
4 copinhos de farinha de trigo
1 copinho de óleo
1/2 copinho de leite
essência de baunilha
1 colher de sobremesa rasa de fermento em pó


Bater os ovos com o açúcar e depois acrescentar os outros ingredientes. Colocar a massa em uma forma redonda com um furo no meio untada e levar ao forno 180º.

A foto abaixo é a receita pronta que fiz, mas como não tinha a forma com furo ficou parecendo um bolo comum, porém muito fofinho e macio. Por cima reguei com leite condensado e polvilhei coco ralado na minha versão brasileira do Ciambellone. 





Veja Também:

O melhor panetone italiano na Itália

Produtos Típicos do Lago Maggiore - Itália

Panforte de Siena

11/12/2016

Restaurantes próximos da Fontana de Trevi em Roma




A área da Fontana de Trevi é um dos lugares mais cheios de turistas de Roma e pode parecer difícil achar um bom local para alimentação justamente por este motivo, mas já estive em alguns lugares que recomendo neste post que não são "pega turistas". Vamos começar partindo do alto da colina que compõe este Rione Trevi e ir descendo. 

Na Via Vittorio Emanuele que liga a Piazza Repubblica ao Largo Santa Susanna ou Via Barberini e quase na frente da Fontana dell´acqua Felice, fica a Caffè delle Terme com deliciosos cannolis na vitrine te chamando para um café. Os preços não são razoáveis e nem a comida, mas o cannoli é delicioso.

Ao lado fica um  mini mercado Carrefour Express para quem quiser comprar água, frutas e petiscos. A estação de metro Repubblica  na praça de mesmo nome é a mais próxima e também com uma loja restaurante do Eataly ao lado .


Cannoli no Caffè delle Terme




Piazza della Republica

Eataly na Piazza della Repubblica


Na Piazza Barberini  gosto muito do Pepy´s, bem na esquina com lanches que você pode comprar no balcão e ir comendo ou pizzas e outras opções nas mesas. Os preços são justos e a qualidade também, além de você comer admirando o movimento na Piazza. Os preços nas mesas são acrescidos da taxa de serviço, portanto diferentes do balcão.

http://www.pepysbar.it/
Piazza Barberini com Via Tritone









Para os mais exigentes um Restaurante na Piazza Barberini com uma estrela Michelin, o Giuda  Ballerino que fica dentro do hotel Bernini. 





E no início da Via Veneto, os típicos Restaurantes que ficam em quiosques fechados de vidro como o Ciao Bella. O ambiente é pequeno e todo em vidro, o que permite uma refeição observando o movimento na rua com ar condicionado ou calefação para o frio ou calor. No dia que fui estava disposta a fazer uma refeição como os italianos com primo e segundo, mas no primeiro eu já pensei em desistir porque foi bem servido. Destaque para as saladas e o filé de carne com preços médios.



 

Do outro lado da rua fica a recém inaugurada Hamburgueria do Eataly, mas não me animei  a pagar de 15 a 20 euros por um Hamburguer, se posso gastar a mesma coisa ou menos em uma refeição. Mas para os amantes de um bom Hamburguer com qualidade é uma opção.

http://www.hamburgheriadieataly.it/roma/
Via Veneto ,11




Na primeira travessa da Via Tritone depois da Piazza Barberini , temos o Hostaria Romana com especialidade em massas clássicas italianas. O lugar fica escondidinho e é pequeno om horários restritos, mas é bem recomendado pelos romanos.

http://www.hostariaromana.it/
Via del Boccaccio 1, travessa da Via Tritone






Próximo da Fontana de Trevi estão outros dos meus favoritos, o Restaurante Baccano que tem uma boa estrutura de atendimento e pratos diferenciados com preços médios. Estive com uma amiga que veio me visitar dos Estados Unidos e adoramos o ambiente, a comida e ficamos horas conversando sem ver o tempo passar,  quando  me dei conta era mais de meia noite  e não tinha mais metro ou ônibus para retornar a casa, mas valeu a pena inclusive com  o custo do taxi depois.

http://www.baccanoroma.com/
Via delle Murate, 23










E o melhor lanche da cidade no Pane e Salame com filas enormes sempre na porta. Recomendo chegar cedo porque o lugar é pequeno, mas garanto que compensa muito os diversos lanches e as tábuas de frios. Este da foto abaixo foi de chinguiale que aprendi a comer por aqui e o sabor é incrível.


Pane e Salame
Via Santa Maria in Via, 19









Para quem curte uma massa, o Restaurante Archetto na Via dell´Archetto tem mesas na rua e ambiente muito aconchegante. E na Via S. Marcelo, fica a Antica Birreria Peroni para os amantes de uma boa cerveja italiana.


Spaguetteria Archetto
Via dell´Archetto, 26






http://www.anticabirreriaperoni.net/
Via de S. Marcelo, 19








E lógico que no entorno da Fontana com muitos turistas é fácil cair em roubadas, mas olhe antes o Menú na porta, o ambiente, a quantidade de pessoas dentro , os pratos que estão comendo e logo perceberá se vale a pena entrar ou não. E não se engane pelas aparências, uma portinha e ambiente minúsculo pode reservar bons sabores nesta cidade que respira uma boa gastronomia.

E o melhor de tudo é andar pelas ruas do Trevi e se perder nos sabores, nos aromas e quem sabe descobrir alguma coisa nova e gostosa. 


Veja Também: